Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
27.4 C
Remanso, BR
18 de setembro de 2019
Remanso News
  • Home
  • Destaque
  • Bacelar cobra TCU após aumento acumulado de 91% em tarifas da Coelba
Destaque

Bacelar cobra TCU após aumento acumulado de 91% em tarifas da Coelba

O deputado federal João Carlos Bacelar (PL) solicitou, na última semana, informações sobre a fiscalização dos cálculos de reajustes de tarifas de energia elétrica da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) nos últimos cinco anos. A alteração nos preços é feita pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). 

Em requerimento de informação endereçado ao presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro José Mucio Monteiro, Bacelar relatou que o reajuste acumulado da tarifa média da Coelba, entre 2014 e 2019, superou a faixa dos 91%.

O valor seria superior à inflação oficial no período, que é aferida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). As tarifas de energia elétrica da Coelba são reajustadas no dia 22 de abril de cada ano. Já as revisões tarifárias periódicas ocorrem a cada quatro anos. 

Na justificativa do pedido, Bacelar relata que o aumento teria prejudicado a recuperação da economia baiana, em particular os setores industrial, comercial e agrícola, bem como representado elevado ônus para a população. O deputado também pediu informações sobre  à fiscalização da qualidade do serviço oferecido pela Coelba. 

“ […] A má qualidade do serviço prestado pela Coelba contribui para a insatisfação popular. A Companhia ainda apresenta indicadores de duração e frequência da interrupção do fornecimento de energia elétrica muito elevados”, escreveu o deputado.

BN

Posts relacionados

Ebal faz acordo com funcionários demitidos e deve pagar R$ 3 milhões em indenizações

Redação Remanso News

Contribuinte tem até amanhã para pagar IPVA com 10% de desconto

Redação Remanso News

TIM, Vivo, Oi e Claro estão proibidas de comercializar novos planos em Pernambuco por 30 dias

Redação Remanso News

Prefeito bom é prefeito Que paga em dia disse o Jornal “estado de São Paulo”

Redação Remanso News

Remanso: Justiça Eleitoral convoca eleitores para o recadastramento biométrico

Redação Remanso News

Bastidores:Lula perde espaço no Planalto

Redação Remanso News

Deixe um comentário