Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
27.4 C
Remanso, BR
15 de dezembro de 2019
Remanso News
  • Home
  • Brasil
  • INSS cria estratégia para agilizar concessão de benefícios
Brasil

INSS cria estratégia para agilizar concessão de benefícios

A partir desta sexta-feira (09/08), o INSS começa a trabalhar mecanismos para tentar zerar a fila de espera por benefícios. A Estratégia Nacional de Atendimento Tempestivo (ENAT), criada a partir de uma resolução publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira, determina que unidades da Previdência Social e a administração geral do instituto comecem a investir em ações para otimizar a gestão, aumentar a produtividade e a eficiência na análise dos pedidos e na conclusão dos requerimentos de reconhecimento inicial de direitos.

A medida trata dos pedidos de reconhecimento inicial de direitos e prevê que estes sejam concluídos em até 45 dias a partir da entrada dos documentos pelos beneficiários. Apenas casos que tenham pendências de cumprimento de exigência por parte do segurado requerente estariam fora dessa exigência.

Diante da nova estratégia, tanto a Administração Central do INSS, quanto superintendências regionais, gerências e agências da Previdência Social serão obrigadas a reforçar quadros técnicos, logísticos e humanos, para assegurar, de forma permanente, o atendimento tempestivo aos segurados e beneficiários da Previdência Social.

Atualmente, o órgão tem milhões de pedidos aguardando uma decisão. Com a definição da celeridade da análise como regra definitiva, serão definidas metas de atendimento e monitoramento da eficiência e produtividade dos serviços prestados pelo instituto.

O presidente do INSS, Renato Vieira, chegou a sinalizar que até a dinâmica de trabalho poderia ser alterada para que os servidores passassem a ser remunerados a partir de controle de produtividade.

Pelo texto, o órgão também ficará obrigado a divulgar aos servidores, às unidades, aos órgãos de Controle externos e internos e à sociedade, periodicamente, os avanços obtidos com a implementação da estratégia e adotar providências necessárias para aumentar o volume de concessões automáticas de benefícios, com controle e segurança desses benefícios.

Para estimular a implementação do programa, ainda serão mapeadas boas práticas nacionais e internacionais e estimuladas medidas de gestão que contribuam para o aumento da eficiência da análise dos requerimentos de reconhecimento de direitos.


Fonte: Agência Brasil


Posts relacionados

Aliado de Eduardo Cunha pedem que o julgamento do deputado seja adiado novamente

Redação Remanso News

Verba do pré-sal para educação é R$3,8 mi menor que previsto

Redação Remanso News

Eleitor que não votou nem justificou no 1º turno pode ir às urnas no domingo

Redação Remanso News

Censo agropecuário: Brasil tem 5 milhões de estabelecimentos rurais

Redação Remanso News

Petrobras estuda rever frequência de reajustes de preços de combustíveis

Redação Remanso News

Gasolina sobe 19,5% em seis meses e já beira os R$ 5 em algumas cidades

Redação Remanso News

Deixe um comentário