25.8 C
Remanso, BR
22 de junho de 2024
Remanso News
  • Home
  • Geral
  • Em disputa apertada e polarizada, Argentina elege neste domingo novo presidente
Geral

Em disputa apertada e polarizada, Argentina elege neste domingo novo presidente

Foto: Reprodução / InfoMoney

Neste domingo (19), 35 milhões de argentinos são convocados a comparecerem às urnas para elegerem o novo presidente. A disputa, que está no segundo turno, tem o ultraliberal Javier Milei (A Liberdade Avançada) e o peronista de centro-esquerda Sergio Massa (União pela Pátria). 

O cenário é visto como polarizado, ainda mais diante da crise econômica vivenciada pelo país. Pesquisas apontam uma disputa acirrada e alguns levantamentos trazem Milei à frente com alguns votos percentuais ou os dois tecnicamente empatados.

De acordo com especialistas, os indecisos são vistos como infiéis na balança da eleição. A votação começa às 8h e irá até às 18h – o horário de Buenos Aires é o mesmo de Brasília. As informações são do Uol. 

O resultado não oficial deve sair ainda na noite de hoje, horas após o fim da votação.  No entanto, a divulgação definitiva do nome do próximo presidente pode ser adiada para os próximos dias, porque a contagem final dos votos começará 48 depois do fechamento das seções eleitorais. 

PRIMEIRO TURNO

O primeiro turno foi realizado em 22 de outubro, quando Sergio Massa, que é o atual ministro da Economia, surpreendeu e obteve 36,7% dos votos válidos e Milei, 29,9%. A terceira colocada na corrida pela Casa Rosada, Patricia Bullrich (Juntos pela Mudança), acumulou 23,8% dos votos. Neste segundo turno, Bullrich declarou apoio a Javier Milei. 

Quanto à participação dos eleitos, o Focus Group da Universidade de Buenos Aires confirmou que o primeiro turno na Argentina teve 77% de participação do eleitorado e 21% dos votos brancos. 

Javier Milei, 52 anos, é tido como um voto de protesto e está à frente de uma formação que inclui negacionistas da ditadura. Na Argentina ele é comparado ao ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Seguindo os passos do brasileiro, Milei encerrou a campanha com um megacomício para 50 mil pessoas e levantou acusações de “fraudes eleitorais”. 

Do outro lado, Sergio Massa, 51 anos, tentou convencer os indecisos nos últimos dias com mensagens de apaziguamento. Ele prometeu superar as divisões políticas com um “governo de unidade” e apelou para o “voto útil” para salvaguardar o país — que completará 40 anos de democracia ininterrupta no dia em que o novo governo tomar posse, em 10 de dezembro.

Fonte: Bahia Notícias 

Posts relacionados

Moradores da Vila Massú, em Casa Nova, reclamam de esgoto a céu aberto

Redação Remanso News

Diocese de Juazeiro lança novo site neste domingo (08) durante Festa da Vida

Redação Remanso News

Moradores de Juremal lotam a plenária do Governo Participativo de Paulo Bomfim

Redação Remanso News

Prefeitura de Casa Nova comemora o sucesso da 28ª Festa do Interior

Redação Remanso News

Plenária do CBHSF promove reflexão sobre a degradação da Caatinga

Redação Remanso News

Prefeito de Campo Alegre de Lourdes saúda os pais pela passagem da sua data

Redação Remanso News

Deixe um comentário