27.7 C
Remanso, BR
9 de julho de 2020
Remanso News
  • Home
  • Destaque
  • Sindicatos e entidades planejam greve nacional para ‘defender’ a previdência
Destaque

Sindicatos e entidades planejam greve nacional para ‘defender’ a previdência

Contra a proposta de reforma da Previdência Social proposta pelo Governo Federal, que pode ir à votação na primeira semana de dezembro, as centrais sindicais orientam todas as bases a se mobilizarem e construir a greve nacional dia 5 de dezembro. A agenda de ação foi aprovada na reunião desta sexta-feira (24/11), ocorrida na sede da Forção Sindical e contou com a presença das centrais sindicais, de confederações, federações e diversos sindicatos estratégicos para a construção da greve.

“Precisamos de uma resposta contundente contra essa emenda cosmética que Temer apresentou e que sepulta nossa Previdência Social. Sem pudor, o governo ilude, através de uma campanha publicitária sórdida e que mente descaradamente para o nosso povo”, asseverou o presidente da CTB, Adilson Gonçalves, logo após a reunião das centrais.

Ele alertou sobre a nova estratégia da gestão Temer, que para aprovar uma perversa proposta, fatia a retirada dos direitos. “Temer mente e segue retirando direitos consagrados do nosso povo. Essa reforma não tem outro objetivo senão privatizar o maior sistema de distribuição de renda do país e condenar nosso povo a um futuro de fome e miséria”, acrescentou. Leia a íntegra da decisão:

Centrais Sindicais convocam greve nacional dia 5 contra a reforma da Previdência e em defesa dos direitos

Reunidas na sede da Força Sindical na manhã desta sexta-feira, 24, as Centrais Sindicais CUT, Força Sindical, UGT, CTB, Nova Central, CSB, Intersindical, CGTB e CSP-Conlutas definiram realizar GREVE NACIONAL no dia 5 de dezembro, contra a nova proposta de desmonte da Previdência Social apresentada pelo governo.

As Centrais Sindicais convocam todas as entidades sindicais e movimentos sociais a realizarem ampla mobilização nas bases – assembleias, atos, debates e outras atividades – como processo de organização de uma Greve Nacional, no dia 5 de dezembro, contra as propostas de reforma da Previdência Social, que acaba com o direito à aposentadoria dos trabalhadores brasileiros.

As Centrais Sindicais exigem que o Congresso Nacional não mexa nos direitos trabalhadores!

CTB – Central dos Trabalhadores e das Trabalhadoras do Brasil
CSB – Central dos Sindicatos Brasileiros
Força Sindical
NCST – Nova Central Sindical de Trabalhadores
UGT – União Geral dos Trabalhadores
CUT – Central Única dos Trabalhadores
CSP Conlutas – Central Sindical e Popular
Intersindical – Central da Classe Trabalhadora
CGTB – Central Geral dos Trabalhadores do Brasil.

Via: 180Graus

Posts relacionados

Protesto e Ironia na Estrada entre Remanso (Ba) e Dirceu Arcoverde (Pi)

Redação Remanso News

Cesta básica fica mais cara em quase todas as capitais em janeiro

Redação Remanso News

Nome de Wagner é cogitado para eleição presidencial de 2018

Redação Remanso News

Sobe para 9 nº de casos confirmados do coronavírus na Bahia, diz Secretaria de Saúde

Redação Remanso News

Remanso: A Família ZF não para de crescer e o Pré-candidato Zé Filho (PSD-55) recebe mais apoio agora é de agricultores da Horta Comunitária da vila Santana

Redação Remanso News

Plenário do TSE aprova calendário eleitoral das eleições de 2016

Redação Remanso News

Deixe um comentário