31.1 C
Remanso, BR
5 de abril de 2020
Remanso News
  • Home
  • Pilão Arcado
  • Pilão Arcado: TRE-BA pede intensificação de segurança após incidente em campanha eleitoral
Pilão Arcado

Pilão Arcado: TRE-BA pede intensificação de segurança após incidente em campanha eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) solicitou – por meio de ofícios assinados pelo presidente da Corte, desembargador Jatahy Júnior – intensificação da segurança em Pilão Arcado, cidade onde – no próximo dia 2 de fevereiro – ocorre Eleição Suplementar para prefeito e vice-prefeito. Os documentos foram encaminhados na tarde desta segunda-feira (13/1) a diversos órgãos, a exemplo da Secretaria de Segurança Pública (SSP/BA) e Superintendência da Polícia Federal na Bahia, após registro de violência em campanha eleitoral, iniciada no município em 3 de janeiro.

Além do reforço na segurança aos órgãos responsáveis, o presidente do TRE baiano solicitou ao juiz e ao promotor da 195ª Zona Eleitoral, responsável pela cidade, “absoluta prioridade às providências pertinentes à realização da predita eleição”. De acordo com o documento, a prática registrada no último sábado (11/1) no local pode “em tese, configurar a prática de crime eleitoral”.

As denúncias envolvem as duas chapas, do PSDB e do Patriota, em disputa no pleito suplementar. O Patriota tem como candidato o presidente da Câmara, Orgeto Bastos, que assumiu a prefeitura interinamente após decisão que afastou o prefeito eleito em 2016. Já a chapa de oposição é encabeçada por Raimundo Nonato (PSDB).

Em boletim de ocorrência, registrado na Delegacia de Juazeiro no último sábado (11/1), a equipe do candidato Raimundo Nonato (PSDB) denunciou ação violenta durante gravação de programa para campanha eleitoral. De acordo com o boletim, durante os atos – que incluíram disparos de arma de fogo e roubo de material – os autores teriam utilizado o nome do candidato opositor.   

Entenda

O novo pleito na cidade ocorrerá após os mandatos do prefeito do município de Pilão Arcado, Manoel Afonso Mangueira, e de seu vice, Daltro Silva Melo, terem sido cassados pela Justiça Eleitoral. A acusação é de terem sido beneficiados com a prática de abuso de poder político e econômico, caracterizado na contratação massiva de servidores em período vedado pela legislação eleitoral.

TRE-BA – Foto Ilustração da Internet

Posts relacionados

Pilão Arcado: Prefeito Afonso acompanhado do deputado Robinho fiscaliza obras na zona rural do município

Redação Remanso News

CIPE Semiárido prende em Xique-Xique autor de duplo homicídio em Pilão Arcado

Redação Remanso News

Prefeitura de Pilão Arcado confirma atração inédita para os festejos do Padroeiro Santo Antônio

Redação Remanso News

Ônibus que saiu de Pilão Arcado com destino a São Paulo sofre acidente

Redação Remanso News

Notícias da cidade: Remanso, Pilão Arcado e Campo Alegre já pertenceram por vários séculos ao estado de Pernambuco

Redação Remanso News

Policiais Militares da 25° CIPM lotados no 4° Pelotão de Pilão Arcado Prendem quadrilha de Traficantes de drogas

Redação Remanso News

Deixe um comentário