20.4 C
Remanso, BR
5 de agosto de 2021
Remanso News
  • Home
  • Esportes
  • Baiano Robson Conceição vence americano em estreia no boxe profissional
Esportes

Baiano Robson Conceição vence americano em estreia no boxe profissional

Mais um triunfo na conta do baiano Robson Conceição. Depois de conquistar a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, o primeiro brasileiro a conquistar o feito, Robson Conceição escreveu com mais uma vitória o seu início no boxe profissional. Na noite deste sábado, o baiano de Boa Vista de São Caetano encarou o norte americano James Clayton Burns, na cidade de Las Vegas, nos Estados Unidos. O duelo fez parte da preliminar do evento que teve como atração principal o filipino Manny Pacquiao contra Jessie Varga.

Robson começou bem o duelo e conseguiu conter os ataques do americano com bons movimentos. Após os seis rounds programados, a luta terminou com triunfo do baiano por 60 a 54. A exibição foi a primeira de Robson Conceição como profissional. Aos 28 anos, ele encerrou a carreira de amador logo após a conquista do ouro no Rio de janeiro. Já James Clayton conta com um cartel modesto de apenas quatro vitórias, duas derrotas e dois empates.

robsonconceicao_evandroveiga1

Medalha de ouro na Olimpíada do Rio de Janeiro, Robson superou o americano James Clayton na estreia como profissional (Foto: Evandro veiga/Arquivo CORREIO)

Logo após a luta, Robson usou as redes sociais para comemorar a vitória. “Mais uma vitória, agora como profissional! Muito obrigado pela força de vocês. É Brasil, Boa Vista de são Caetano!!”, escreveu ele, lembrando do bairro onde mora.
Conselhos de Esquiva
Para conquistar o duelo, Robson Conceição contou com os conselhos de outro medalhista olímpico que atualmente está no boxe profissional. Medalha de prata em Londres 2012, Esquiva Falcão passou tranquilidade para o baiano na véspera do duelo. Ele e o irmão, Yamaguchi, se mudaram para os Estados Unidos e se dedicam ao esporte. Falcão já disputou 15 lutas como profissional e está invicto.
“O conselho que dou é ir bem tranquilo. Experiência de luta, ele tem. É só saber o momento de encaixar o primeiro golpe. Deixar passar o primeiro e o segundo round para sentir a adrenalina da luta e, se tiver a chance, derrubar no terceiro. Não deixar chegar para os juízes, não correr nenhum risco. Se pintar o momento de nocautear, nocauteie”, aconselhou Falcão, em entrevista à Ag. Fight.

Correio

Posts relacionados

Direto da periferia de Salvador, baiano Bidu encara americano no UFC 184

Redação Remanso News

Time lidera no Instagram e registra segundo maior crescimento anual

Redação Remanso News

Bahia vence Campinense e se classifica para semifinal da Copa do Nordeste

Redação Remanso News

Edição histórica do Enduro Rally Piocerá já tem 365 inscritos de 22 estados

Redação Remanso News

Com 16 clubes e mudanças na fase final, Paulistão tem grupos sorteados

Redação Remanso News

Com uma mão na Taça do Brasileirão, Palmeiras está muito perto do título

Redação Remanso News

Deixe um comentário