23.8 C
Remanso, BR
5 de abril de 2020
Remanso News
  • Home
  • Mundo
  • Ao menos 12% dos 28,5 mil infectados por coronavírus na Espanha são profissionais da saúde
Mundo

Ao menos 12% dos 28,5 mil infectados por coronavírus na Espanha são profissionais da saúde

As autoridades espanholas reconheceram neste domingo (22) que quase 3,5 mil dos infectados pelo novo coronavírus são profissionais da saúde. O número é cerca de 12% do total de casos de Covid-19 no país ibérico.

O representante do Ministério da Saúde a Espanha, Fernando Simón, disse em entrevista coletiva que dos mais de 28,5 mil positivos para coronavírus no país, 3.475 são profissionais do setor da saúde.

“Este é um grande problema para o sistema de saúde. São o grupo populacional de maior risco, isso é óbvio, e temos que assumi-lo” – Fernando Simón, diretor de emergências sanitárias da Espanha.

A rápida disseminação do vírus desafia o sistema de saúde espanhol, que enfrenta uma falta de capacidade de atendimento nas áreas mais afetadas, agravada pelas baixas entre os profissionais da saúde.

O governo anunciou no sábado a distribuição de meio milhão de máscaras adicionais para os profissionais e cerca de 800 mil para pacientes e a compra futura de outros oito milhões para profissionais do setor.

A Espanha teve um aumento de 30% no número de mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas. Foram registradas novas 399 mortes. Ao todo, são 1.725 mortes. O número de contaminados também subiu, mantendo o país como o terceiro mais atingido no mundo, atrás de China e Itália.

Na Itália, país com mais mortes por Covid-19 em todo o mundo, e mais de 42 mil confirmações de infecções pelo novo coronavírus, os profissionais da saúde também foram afetados.

Segundo o Instituto Nacional de Saúde da Itália (ISS), ao menos 4.826 trabalhadores entre médicos, enfermeiros e técnicos foram infectados pelo novo coronavírus, isso dá pouco mais de 9% de todas as pessoas infectadas no país pelo Covid-19 são profissionais de saúde.

Ao menos 13 mil pessoas morreram por complicações da Covid-19 em todo o mundo. Um levantamento da universidade norte-americana Johns Hopkins apontou que na manhã de domingo, mais de 307 mil pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus.

A maior parte das mortes mundiais está concentrada na Itália, são mais de 4,8 mil até o momento. O país registrou no sábado um aumento de quase 800 mortes em apenas um dia. A Itália tem mais de 53,5 mil infectados pelo vírus, atrás apenas da China, que desde o início do surto, em dezembro de 2019, acumulou mais de 81 mil casos de Covid-19.

Fonte: G1

Posts relacionados

Trump chama premiê britânica de “tola” e embaixador de “maluco” por textos vazados

Redação Remanso News

ONU apela para que diferenças políticas no Brasil não sejam resolvidas pela violência

Redação Remanso News

EUA: Escolhido de Trump para secretário da Marinha desiste do cargo

Redação Remanso News

‘Frankenstein chinês’, criador de bebês editados geneticamente, desaparece

Redação Remanso News

Terra do Papai Noel derrete, mata renas e ameaça povos do gelo

Redação Remanso News

Filho de Bin Laden promete vingança contra EUA pela morte do pai

Redação Remanso News

Deixe um comentário